Blog

Declaração de Ação Climática Slow Food

Declaração de Ação Climática Slow Food

A Slow Food é uma organização fundada em 1989 que se destina a prevenir o desaparecimento de alimentos específicos de certos locais, culturas e tradições, reavivar o interesse da população pelos alimentos e relembrar o impacto que os mesmos provocam a nível mundial.

Agora presente em mais de 160 países, incluindo Portugal, esta associação acredita que através das nossas escolhas alimentares influenciamos diretamente o cultivo, produção e distribuição dos alimentos e contribuímos diretamente para um impacto mundial.

Neste sentido criaram a Declaração de Ação Climática na qual assumem que a agricultura industrial e a produção alimentar são enormes contribuidores para as alterações climáticas e que é fulcral o foco na biodiversidade e uma mudança drástica na produção agrícola e nas cadeias de distribuição.

Nesta declaração, que pretendem apresentar na COP26, são enumeradas as seguintes exigências para o futuro:

- melhoria da produção e redução global do consumo de carne, laticínios e ovos.

- transformação das cadeias de distribuição para que sejam justas e o mais curtas possível.

- proteção das massas de água e ecossistemas marinhos altamente influenciados pelas práticas agrícolas.

- privilégio na aplicação de princípios e soluções holísticas que protejam os ecossistemas como um todo e permitam simultaneamente a sua exploração comercial.

- alteração das regras para os subsídios relacionados com a produção agrícola, removendo os incentivos às culturas intensivas, e aplicando-os em sistemas que contribuam para a região a nível económico, social, cultural e ambiental.

- acesso igualitário a sistemas de eficiência, mitigação e sequestro de carbono certificados, que permitam aos países em desenvolvimento ter as mesmas oportunidades para solucionar os problemas detetados nos seus territórios. Não pode ser permitido que estas tecnologias sejam apenas utilizadas por países “ricos” ou como moeda de troca.

- educação e participação da sociedade em geral nomeadamente com a introdução de disciplinas, em todos os níveis de ensino, direcionadas para a alimentação e ambiente.

- acesso igualitário a alimentos bons, limpos e justos.

A Slow Food acredita que a alimentação e a agricultura podem ser parte da solução e não do problema. E nós não podíamos estar mais de acordo.

Se concorda com as exigências desta declaração e com os princípios desta organização junte o seu nome ao nosso e assine a declaração na plataforma oficial.

Por um futuro com alimentos sustentáveis para todos.



×